Avançar para o conteúdo principal

SINGLES & EP'S|"I Spit on You" - Holy Llama



É mais ou menos isso...
...qual alpaca cuspideira de um furioso rock'n'roll. Prova de agressividade, sinal de virilidade, os Holy Llama quiseram-nos dizer isso mesmo; que "I Spit on You" é um EP enérgico, frontal, possuído de uma carácter roqueiro forte e determinado. Os rapazes vêm de Braga.
Sobre a música, os Holy Llama apenas nos querem dizer que o rock vale mesmo a pena; sem invenções, variações ou ideias complicadas, a música ainda pode valer por si só, simples e directa como é. Composto por quatro temas, "I Spit on You" prova tudo isso, cuspidos que são das dominantes guitarras, os bons pares de riffs que o compõem. No fim, os lamas divertem-se, divertindo-nos também, tal a bolina, o ritmo, a sonoridade absorvente que ressalta do EP.
Depois e bem lá no fundo, também não há nada de especialmente novo na estreia dos Holy Llama, apenas a certeza de passarmos uns 12 minutos e picos em excelente companhia; na companhia de um forte espírito rock'n roll. A banda diz que explora "as diferentes nuances das harmonias subtónicas entre o pós-jungle pop e o erudito, passando pelo nu-electro progressivo" (1); sim, até pode ter piada, mas na verdade, os Holy Llama exploram apenas o prazer que se pode retirar de uma certa forma de fazer música rock; bem esgalhada, com paixão e sempre em máxima rotação.
Sempre em máxima rotação. A produção é de Luís Fernandes (The Astroboy e Peixe:Avião).

som Ouvir o EP "I Spit on You"; para download, o melhor é ir até AQUI.

capa single I Spit on You
"I Spit on You" - Holy Llama (2007)

01 A Killer's Story
02 I'm Such a Lucky Guy
03 Road Trip
04 Sold Out Soul

tipo Rock

Mensagens populares deste blogue

AUDIÇÕESBrilhante Pop 2003
São 3 discos pop, mais à esquerda, mais à direita, mais ao centro, trazem ao microfone 3 excelentes vozes femininas:
"Le Jeu" - Balla (2003/Music Mob/58)

Um disco irresistível.
Fantástica a voz sensual de Sylvie C em mais um lúcido disco de Armando Teixeira, melódico, marcado por ambientes voluptuosos, por uma pop interior, estética e poética.
Imageticamente irresistível, qual bandeira gaulesa a flutuar. Depois de um prometedor e excelente primeiro álbum, "Balla", Armando Teixeira voltou a surpreender as massas melómanas em 2003, com um disco cheio de charme e personalidade, sustentado pelo rigor da electrónica em doses incrivelmente equilibradoras do resultado final. Intemporal.
A elegância proporcionada por este "Le Jeu" é verdadeiramente assombrosa, quer se reine por ambientes pop mais jazzy quer se rume em direcção à "chanson française", este disco atinge o auge principalmente na voz de Sylvie C.
De uma simplicidade rumo…
SÍTIO DA QUINZENAFórum Sons
Não é novidade, mas o Fórum Sons é há muito local de encontro de melómanos lusos. É um fórum como qualquer outro, tem é a vantagem de ser frequentado por muita e boa gente.
Grande fórum!

Sítio: www.forumsons.com

AVISOS À NAVEGAÇÃO|...

ACTUALIZAÇÃO:

Bem, talvez noutro local...

------>

E se vos dissesse que amanhã o http://atrompa.blogspot.com já não terá movimento; e depois de amanhã também não; e depois, depois de amanhã também não; enfim, talvez nunca mais?

Pior, hoje não vai haver muito mais do que isto!