Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2004
-Destaque-
Final da 8ª Edição do Festival de Música Moderna ”ROCKASTRU´S"



A grande Final da 8ª Edição do Festival de Música Moderna ”ROCKASTRU´S" terá lugar já no próximo dia 08 de Maio 2004, a partir das 22h30 no Kastru´s Bar, situado em Forjães – Esposende. A Final contará com a presença dos seguintes 5 finalistas:
- Fluid (Trofa)
- Hyubris (Abrantes)
- Daguida (S.M.Lamas)
- The Nutty Pea (Lisboa)
- Paranoid (Vigo)

O espectáculo contará ainda com a presença de três bandas convidadas: Plasma, Dealema e Bizarra Locomotiva.

::Anteriores vencedores:
- Bypass (2000)
- Fat Freddy (2001)
- The Fingertrips (2002)
- Plasma (2003)
-Agenda--
United Sounds of Music - Maio

::Paulo Barros Trio + Jorge Reis
- 05 de Maio no CCB espaço 7 às 9 (Lisboa) às 19h00 (entrada livre)

::Paula Oliveira e João Paulo – Quase Então
- 06 de Maio no 7º Festival Valado dos Frades (Alcobaça) às 21h30

::Paula Oliveira - Workshop
- 08 de Maio na etic – a voz no jazz (Lisboa) das 10h00 às 17h00

::Susana Baldaque & GANG !
- 14 de Maio no Rota Jazz – Bar Único (Trofa) às 22h30

::Paula Oliveira e João Paulo – Quase Então
- 15 de Maio no Rota Jazz – Cine Nova Trofa (Trofa) às 22h30

::Trio de Jazz – M&M R

- 22 de Maio no Auditório Municipal (Vila Real) às 22h00


Paula Oliveira

Sítio:www.unitedsoundsofmusic.com
-Sensações-
Os Lemur em 5 sentidos

A banda lisboeta aceitou o desafio da Trompa e explicou-nos que sensações se propagam com a sua mensagem sonora. Obrigado.

T: Que cores tem a música dos Lemur?
L: Infravermelhos e ultravioletas.

T: Qual o sabor da música dos Lemur?
L:Tremoços com mostarda.

T: Que sonoridade tem a música dos Lemur?
L: O som de um iceberg a quebrar-se (quando ninguém está a ouvir).

T: O que se sente quando se toca a música dos Lemur?
L: Ausência de gravidade.

T: Que fragrâncias exalam do som dos Lemur?
L: Terra molhada depois de uma chuvada.


Lemur

::Ano de formação: 2003

::Composição:
- Vasco (bateria), João (guitarra e baixo), Brandão (baixo e guitarra) e Pedro (violoncelo e teclas).

::Localidade: Lisboa

::Discografia:

- "Lemur" (2004/CD Demo/Ed. Autor) *

::E-mail: e_lemur@hotmail.com

* à venda na King Size e na Eklet, em Lisboa, e na Alquimia, em Leiria.
-Audições-
Luz, muita luz...

Haja som, silêncio, movimento, harmonia, haja música, haja alegria e os dias e as noites avivam-se como um paraíso perdido na perfeição, sem fim. Num leitor de CD's em corropio, eis os sons que dão cor a uma semana agitada:
::"Nus" Mão Morta
::"Demo 2003" Slapdash (Demo)
::"Eternal Premiére" Nicorette
::"The Red Light Underground" Plastica
::"Utopia Wreck" Madcab (Demo)
::"Um Zero Amarelo" Um Zero Amarelo
::"Exílio" Quinteto Tati
::"Eclesiastes 1.11" Wray Gunn



"Enorme" disco, disco "enorme":"Eclesiastes 1.11" - Wray Gunn (2004/NorteSul)
-BI-
The FingerTrips



Excelente demonstração da loucura emergente do estado festivo constante dos FingerTrips. Foi ontem no Cabaret da Côxa no âmbito do Concurso Objectivo Rock in Rio Lisboa e interpretaram o incontornável "Mr.Freddy" e "The FingerTrips Party". Visite-se o sítio e o blog da banda.
-Novidades-
"The Red Light Underground" - Plastica


(2004/Metrodiscos/Blitz)

Apareceu ontem pelas bancas com o Blitz por 7,50€ e volta a estar disponível no próximo dia 4 de Maio.

Sítio:www.plasticamusic.com
-100 Palavras & mais algumas-
Dêem-me música que eu gosto...

Há dias que ando para dizer isto.
Triste, que miserável distribuição faz este país dos seus novéis artistas. Sim eu sei, meros interesses económicos regulam o mercado. E é só? ficamos por aqui?
Não há mesmo paciência e os exemplos são vários. Há uns tempos atrás foi a autêntica "telenovela" com a saída do disco dos Loto num "sai amanhã" repetido até à exaustão. Entretanto, já saiu o novo disco dos Bunnyranch, sendo que ainda não lhe consegui por a vista em cima. Haverá em Coimbra?.Hoje segundo consta, saiu o novo dos Wray Gunn, não sei é onde, em Saturno talvez. E isto só para falar nos casos mais sonantes.
Que raio, que indústria musical tritura seus filhos, condenando pequenas editoras a viver na sombra, na escuridão e não fosse a Internet a diminuir a distância não sei onde estariam. Em agonia certamente.
Depois surgem aqueles arautos da desgraça a criticarem o Blitz, o DN:música e os artistas e edito…
-Revista Rocksound-
Abril 2004, nº17

Mês de uma "pobreza franciscana" a participação de artistas lusos no sampler nº17 da Revista Rocksound. Ao todo são apenas 4 temas (3 em áudio e 1 em vídeo):

:: Audio:
-Mão Morta "Vertigem" : : positivíssimo
-Fonzie "Gotta Get Away" : : positivo
-Tolerance 0 "2 minutes of Hate : : assim assim

:: Vídeo:
-Grace "High on You": : positivo


Do CD "Wake up Call" - Fonzie (2004/Movieplay)
-Agenda-
Thisco

THISJITAL THISOBEDIENCE@ FUGA:
No Campus da Universidade Nova de Lisboa (Quinta da Torre - Monte Caparica)
Sábado dia 1 Maio às 22h00:

::Rasal.Asad
::Shhh
::Sci-Fi Industries - Flat Opak

Thisjing com:
::Hugo Moutinho (Mondo Bizarre Magazine)

THIS.CO.TECH @ O CULTO:
No Cais do Gingal Cacilhas - Almada
Sábado dia 15 Maio às 22h00:

::Mimetic
::Shhh
::Rasal.Asad
::Sci-Fi Industries - Flat Opak

Thisjing com :
::David/Morcego (Phantom Vision)


Rasal.Asad

Sítio: www.thisco.net/
-Trompalista 2004-
Discos do ano

Do que já se ouviu com alguma atenção das edições de 2004 , eis um pequeno ranking do momento (pode ser que amanhã a ordem seja outra):

1. "Nus" - Mão Morta

2. "Exílio" - Quinteto Tati

3. "Reconciliation" - Hipnótica

4. "Flic Flac Circus" - Sloppy Joe

5. "Humanize #2" - Ghost in the Machine

6. "Best of.." - Gomo

7. "Mercado Negro" - Mercado Negro

8. "The Club" - Loto

9. "Gray Area Zone" - Tendrills

10. "A Luta Continua" - Ena Pá 2000

Ouvidas só as amostras, estão em espera os novos discos de The Great Lesbian Show, Bunnyranch, Fonzie, Matozoo, Wray Gunn, Peste e Sida, Nicorette, X-Wife, Yellow W Van, Jim Dungo, The Act Ups, Da Weasel, Clã, etc, etc...

-Concertos-
Final do "Rocktaract" em Santa Maria da Feira

Dia 24 de Abril foi dia da grande final do 6º Concurso Música Moderna de Santa Maria Feira. Já se vê que a Trompa andou pelo Norte e aproveitou para dar um salto à bela Santa Maria da Feira.
Abriram os Flunk. Sem ideias, sem orientação e com muito barulho à mistura numa cena meio apunkalhada, os Flunk despejaram os seus cinco temas bem sonoros mas sem grandes pontos de interesse. Nunca se chegou a perceber por onde iam. Inconsequente a interpretação final, brincadeiras tristes com bonecas insufláveis. Francamente, bem dispensável...
Em segundo tocaram os New Connection numa apresentação personalizada, a mais conseguida e sentida da noite. Com uma sonoridade bem centrada no campo alternativo do pop-rock, a actuação dos New Connection acabou por ser a único excepção da noite ao rock quase sempre puro e duro.
Os Rope , com o maior número de apoiantes entre o público, tiveram uma apresentação escorreita, certinha mas sem gran…
-Letras-
"E Depois do Adeus" - Paulo de Carvalho

Quis saber quem sou
O que faço aqui
Quem me abandonou
De quem me esqueci
Perguntei por mim
Quis saber de nós
Mas o mar
Não me traz
Tua voz.

Em silêncio, amor
Em tristeza e fim
Eu te sinto, em flor
Eu te sofro, em mim
Eu te lembro, assim
Partir é morrer
Como amar
É ganhar
E perder

Tu vieste em flor
Eu te desfolhei
Tu te deste em amor
Eu nada te dei
Em teu corpo, amor
Eu adormeci
Morri nele
E ao morrer
Renasci

E depois do amor
E depois de nós
O dizer adeus
O ficarmos sós
Teu lugar a mais
Tua ausência em mim
Tua paz
Que perdi
Minha dor que aprendi
De novo vieste em flor
Te desfolhei...

E depois do amor
E depois de nós
O adeus
O ficarmos sós

(Letra: José Niza)


-Um Concerto para Hoje-
Houdini Blues



::Castelo da Maia, na Tertúlia Castelense às 22h00

Sítio: houdiniblues.123som.com
-Critica-
"Lemur" - Lemur

Uma guitarra, um baixo, uma bateria, um violoncelo e as teclas, elementos criadores do rock imagético dos Lemur, imagens sonoras induzidas pela pureza de uma música assim, sem voz.
Qual grito de revolta: "guitarras ao poder", qual grito revolucionário emanado de um poder sonoro todo ele instrumental, interessante, profundo, bem construído, capaz de nos deixar ansiosos. E depois?
Os Lemur são de Lisboa.
Disco de emoções, construído à volta de uma interessante composição instrumental, mantendo um equilíbrio ténue, suave entre a fúria e a calmia de um acorde. De um Chuck Norris poderoso a outros sons ora uma vez em experimentação ora outras vezes em contemplação, o som dos Lemur transmite-nos imagens, cenários, espíritos em viagem numa paisagem qualquer, lá longe.
É ainda uma amostra, fica-se com essa ideia, a amostra de um som pretendido, impressão sentida de um capital vasto ainda por explorar. Do muito que os Lemur têm para explorar.
Mais do qu…
-Destaque-
DN:música



Parabéns ao novo DN:música, nascido do velho DN+.
Para além de estar a apoiar a distribuição de alguns dos novos sons da música portuguesa, traz um espaço bem mais alargado dedicado aos músicos lusos. O número de ontem em especial, traz textos com José Mário Branco, Yellow W Van e Wray Gunn, fazendo referência aos seus últimos discos.
Muito bom!

Sítio:dn.sapo.pt
-Novidades-
"Exílio" - Quinteto Tati



Tal como postado aqui dia 20, o álbum de estreia do Quinteto Tati, de título "Exílio", foi hoje distribuído com o suplemento DN Música do Diário de Notícias ao preço de 9,90€.
Foi pena, até quase inexplicável o facto de não haver qualquer referência ao disco na capa do jornal. Não percebi.
Ouvido uma vez e apenas uma vez...soberbo.
-Breves-
"Meeting Point" - Plaza


"Meeting Point" - Plaza (2004/Som Livre)

E a dose repete-se.
Infinitamente?
2004 prepara-se definitivamente para ser o ano do electro-pop (em Portugal!), parece que meio mundo luso se lembrou de fazer o mesmo (passe o exagero é claro!).
Chama-se "Meeting Pot", primeiro disco dos Plaza, com Quico Serrano e irmãos Praça na área.
Não ouvi tudo, mas...não sei...
-Agenda-
DJ Set TRA$H CONVERTERS(Ed. Variz)



:: 23:04:2004
- DJ Set TRA$H CONVERTERS n'A Capela, Bairro Alto - Lisboa

:: 30:04:2004
- DJ Set TRA$H CONVERTERS no Triplex - Porto

:: 08:05:2004
- DJ Set TRA$H CONVERTERS + LOLLY AND BRAINS na Discoteca Europa - Lisboa
-Um Concerto para Hoje-
Maria João e Mário Laginha



::Porto, no Grande Auditório do Rivoli Teatro Municipal às 21h30

Sítio:mariajoao.oninet.pt
Sítio:www.mariolaginha.org
-Novidades na Lateral-
AJUDA-AJUDA-AJUDA

A grande novidade na lateral, zona típica de linkagem, é que não há lateral! pelo menos lá, onde deveria estar.
Que raio, a faixa lateral de links foi parar ao fundo do blog e não faço a mínima ideia do que aconteceu. Geralmente é assim.
Enquanto vou tentando resolver o problema se aparecer alguém que possa dar uma ajuda, a gerência agradece.
Entretanto, as minhas desculpas pela informação tão fora de mão!
-Sensações-
Capitães em sentido, são 5...

E a Trompa regressou à tropa!
Os Capitães, grupo de Coimbra, responderam ao nosso desafio e transmitiram-nos os 5 sentidos da sua música. Obrigado.

T: Que cores tem a música dos Capitães?
C: Se tivessem seria o negro e o azul...

T: Qual o sabor da música dos Capitães?
C: Um whiskey velho sem gelo, claro!

T: Que sonoridade tem a música dos Capitães?
C: Rock-Blues.

T: O que se sente quando se toca a música dos Capitães?
C: Sentimo-nos vivos.

T: Que fragrâncias exalam do som dos Capitães?
C: Fumo.



::Ano de formação: 2000

::Composição:
- João Navarro (Piano / Voz), Flávio Tavares (Guitarra), Jota (Baixo), Néné (Bateria) e Ramiro Evanhanga (Saxofone)

::Localidade: Coimbra

::Discografia:
- "ContraTempo" (Julho 2003)

::Sítio na Internet:www.capitaes.net
-Secção MP3/WAV-
My Tie

Formados em 2000 e oriundos na sua maioria de Tomar, os My Tie tiveram ontem o seu espaço no Cabaret da Coxa. Participantes no Concurso "Objectivo Rock in Rio" e possuidores de um som orientado para um rock alternativo "very british", os My Tie interpretaram os temas "Sold out" e "You're alright to the world". Detentores de um som agradável à audição, bem composto bem tocado, os My Tie procuram ainda alguma definição sonora tentando o desprendimento de algumas das suas maiores influências. Em busca da identidade...
No sítio da banda podem-se ouvir excertos das duas demos já gravadas pelo grupo.



Sítio: www.mytie.info
-Recordações-
"Lishbunah"- Anabela

É uma constatação quase inegável. Num universo musical tão reduzido como o nosso, Anabela Duarte mais do que uma das vozes marcantes da curta história da música moderna lusa, ela é a voz.
Num momento em que o "novo fado" parece ganhar uma visibilidade que o "velho" à muito não tinha, salve-se o período de Amália, é incrível como este disco se encaixa serenamente e naturalmente na realidade actual. Curioso é o facto deste disco ser de 1988, já lá vão 16 anos. Na altura era um disco anormal, tal o caminho de alguma modernidade por onde se fazia o fado seguir... enfim, o tempo trata de repor a verdade.
Muito para além dos registos sonoros habituais dos Mler ife Dada, e antes ainda de enveredar pelo campo da música lírica e de um certo experimentalismo musical, este "Lishbunah", originalmente editado em 1988 e reeditado em 2003, marca a incursão de Anabela Duarte com a competência que se lhe reconhece pelos território…
-Breves-
Catálogo Transformadores com DN:música e TSF


Convite da festa de apresentação do catálogo "Transformadores" no Lux

Grandes notícias, o meio vai-se agitando...
Tal como acontece com o Blitz, o DN:música em colaboração com a TSF vai editar/distribuir os discos de estreia de três nomes do catálogo dos Transformadores, a saber: Quinteto Tati, Dead Combo e Flux.
O novo do Quinteto Tati sai já esta sexta-feira, dia 23. (Obrigado Paulo Brito!)

Ver notícia: dn.sapo.pt
-Sítio da Quinzena-
Bodyspace

O sub-título diz tudo. Bodyspace é um excelente espaço de "crítica, reflexão e discussão sobre música", sobre cultura acrescento eu. Num país onde raras vezes se critica e discute seriamente o tema da música, num país onde não chegam à dezena os projectos editoriais de âmbito músical, contem-se os escritos, os virtuais e os visuais, saúda-se a todos os níveis o magnífico trabalho desenvolvido pelo Bodyspace. Cinco estrelas.



Sítio: http://www.bodyspace.net
-Concertos-
New Connection no Centro Cultural da Malaposta

A Trompa regressa às origens...Odivelas.
De uma inquietude musical penetrante, a sonância alternativa, a composição algo singular e a voz versátil e arrebatadora de Sandra Cachaço, transportaram os New Connection para um bom concerto.
Depois de vencerem na última 6ª feira a 1ª Eliminatória do "Rocktaract" a decorrer em Santa Maria da Feira, os New Connection "visitaram" ontem o Centro Cultural da Malaposta, em Odivelas. Numa sala pequena, intimista e bem composta de público, a banda lisboeta arrancou para uma excelente demonstração do seu trabalho, para lá do pop, para cá do rock, sobressai uma sonoridade vincadamente alternativa e de alguma originalidade. A contínua procura...
Na busca da sonoridade única, os New Connection ofereceram-nos ontem um momento forte, intimista, bem rasgado a momentos como em "Galaxy" ou "Notre dance", mas cruzando naturalmente cadências de um delírio sem freio co…
-Agenda-
The FingerTrips



::23 de Abril, no Estudio Mega FM em Lisboa às 20h00 (Gravação para a colectânea da Som Livre)
::24 de Abril, no Jota 2 Bar - Aveiro às 23h00
::27 de Abril, no Cabaret da Coxa - Sic Radical às 23h00
::29 de Abril, na Queima das Fitas de Famalicão às 23h00
::01 de Maio, na Queima das Fitas do Porto às 23h00
::02 de Maio, na Queima das Fitas de Castelo Branco às 23h00
::07 de Maio, em Águeda (a confirmar)
::08 de Maio, no Trompete Bar em Albergaria às 23h00 (a confirmar)
::15 de Maio, no Pinxos Bar em Braga às 23h00
::18 de Maio, na Queima das Fitas de Fafe às 23h00
::29 de Maio, na Queima das Fitas de Oliveira do Hospital às 23h00
::06 de Junho, no Canecas Bar em Paços de Ferreira às 23h00
::10 de Julho, no Rock na Barragem em Barcelos às 23h00
::11 de Julho, nas Festas da Cidade de Fafe às 22h00

Sítio:www.thefingertrips.com
Blog:thefingertrips.blogspot.com
-Um Concerto para Hoje-
1ª Edição do Festival de Música Alternativa MERZrocks



É já hoje que decorrerá a 1ª Edição do Festival de Música Alternativa MERZrocks, a ter lugar no G.D.E. “Os Combatentes” pelas 22h00. O evento é organizado pela Merzbau numa co-produção com a Brigada Surreal. Tendo em conta a qualidade do cartaz escolhido, composto pelos Abstrakt Circle, pelos Flux e pelos Houdini Blues, tudo aponta para uma noite bem interessante ali para os lados da Avenida Infante Santo.

Sítio:merzindie.no.sapo.pt/merzrocks
-Vinil-
"Macau" - Heróis do Mar

De volta ao vinil, peguei num disco pessoalmente marcante, tal a quantidade de vezes que a agulha deslizou pelas linhas do negro redondel.
Não sendo um grande admirador do trabalho dos Heróis do Mar, o LP "Macau" é indubitavelmente o seu álbum mais completo, mais interessante, mais original e tocante. São temas intensos, de uma criatividade bem diferente daquela desenvolvida pelos Heróis do Mar até então. Temas como "Fado", "Só no mar", "Os canhões da 'Belavista'", "Revolução", etc., são temas inesquecíveis da discografia dos heróis, ainda que, para o público em geral sejam temas mais desconhecidos, público este, mais habituado aos sons de consumo rápido típicos do período pré-"Macau" do grupo.
"Macau", boa recordação!


LP "Macau" - Heróis do Mar (1986/EMI)

::Lado A:
- Macau
- Fado
- Só no Mar
- Os Canhões da "Belavista"

::Lado B:
- Revolução
- Sahida
- A Noiva
-Avisos à Navegação-
1º Concurso de Música Moderna Underground “RIBEIRA ROCK”

A realizar durante os meses de Maio, Junho e Julho/2004, o 1º Concurso de Música Moderna Underground “RIBEIRA ROCK”, é uma iniciativa de âmbito nacional promovida pelo programa radiofónico “Éter Lusitano” da Rádio Felgueiras, a emitir nos 92.2 mhz (Sextas 20h00-22h00) em colaboração com o Ribeira Bar.
No que toca à participação, serão apuradas 16 bandas (em grupo ou a solo) de todos os estilos musicais (metal não incluído) desde que até à data não tenham ainda contrato discográfico.
Até 30 de Abril, as bandas interessadas em participar, deverão enviar: 1 Registo (Cd; Cdr; Mini Disc ou K7) com 3 temas originais (mínimo) bem identificados e 1 Biografia da banda, com contactos, telefones e e-mail, de existir.

Enviar para:
Programa Éter Lusitano
Manuel Alves
Apartado 42
4610 Felgueiras.

Para mais esclarecimentos ou envio de regulamento contactar por mail: eterlusitano@iol.pt ou pelo telefone 919214329.
-Breves-
Quinteto TATI

Qual cão de Pavlov salivando pela mestria da arte de J.P.Simões e Sérgio Costa.
Quinteto TATI, foi ontem, ao vivo no Cabaret da Côxa.
Sublime.

-Destaque-
Palco Quinta dos Portugueses no Super Bock Super Rock



Já é conhecido o cartaz completo (ou quase!) do palco Quinta dos Portugueses do 10º Festival Super Bock Super Rock. Com um cartaz interessante e abrangente, o palco secundário do SBSR terá tal como o principal variados motivos de interesse. Há gostos para todas as almas!
::9 de Junho
- Da Weasel
- Blasted Mechanism
- Anger
- Yellow W Van
- Fonzie
- (Vencedor do Passatempo Roland Super Bock Music Challenge 2003)

::10 de Junho
- David Fonseca
- Toranja
- Gomo
- Dealema
- Patrícia Faria
- (Vencedor do Concurso Quinta dos Portugueses da Antena 3)

::11 de Junho
- Clã
- Pluto
- Wray Gunn
- André Indiana
- X-Wife
- Loosers

Sítio: www.superbock.pt/sbsr2004
-Crítica-
"O Meu Cão Toma Prozak" - O Meu Cão Toma Prozak

O Meu Cão Toma Prozak.
O cão, essa figura central do universo musical da "gandabanda", essa figura que por sinal até toma o tal do Prozac. Entende-se."Gandabanda" dizem eles em tom humorado, o Guitas, o Moreno, o Calhas, o Jorge e o Eduardo.
O cão, esse animal que vagueia descontraídamente pelas pautas que conduzem o som da "gandabanda" pelas mais variadas linhas de um rock pop popinho tipo pastoril dizem algures, tendo como pano de fundo o riso e a boa disposição.
Cinco temas, apenas cinco temas tem este EP promocional que nos leva orientadamente por um caminho em direcção à desorientação contextual. Não perceberam? eu tento explicar: o som e a interpretação é interessante e às vezes até original, as letras têm graça, muitas vezes só graça, será a hiena que anda a dar no Prozac? o objectivo parece ser quase sempre proporcionar algum divertimento a quem ouve e a quem toca e isso talvez result…
-Destaque-
Festival "Santos da Casa"



Tem início dia 22 de Abril a edição de 2004 do festival anual do programa "Santos da Casa" da Rádio Universidade de Coimbra.
Os dois últimos espectáculos têm transmissão directa nos 107.9 FM da RUC ou ligando-se a www.ruc.pt.
Aqui fica o programa completo:

::22 de Abril no Auditório do IPJ (Coimbra) às 21h30
- Nuno, Nico + Ovo

::25 de Abril no Centro Norton de Matos (Coimbra) às 21h30
- Loto + Gomo

::30 de Abril no Corredor da RUC às 19h00
- Bunnyranch (showcase)

::1 de Maio no Corredor da RUC às 19h00
- Twilight Garden (showcase)

Sítio: santosdacasa.blogspot.com
-Revista Luso Beat-
Abril 2004, nº4

Com Da Weasel na capa, o número 4 da Revista Luso Beat (Abril) está na rua. Em anexo já o habitual DVD, este mês com uma secção áudio pouco convincente mas com alguns vídeos a não perder, entre os quais destaco o bem disposto e original "feeling alive" de Gomo.

::Em Audio:
Ergonomia "faixa 1" : : assim assim
Ergonomia "faixa 3" : : assim assim
Ergonomia "faixa 4" : : assim assim
Fast 4 Word "l'ange rie!" : : assim assim
Fast 4 Word "my chemical sadness" : : assim assim
Fast 4 Word "val & teen" : : assim assim
Fast 4 Word "da mirror" : : assim assim
Fast 4 Word "elvis, never sad!" : : assim assim
Lufada Dar "iri" : : assim assim
Lufada Dar "suave etéreo suspiro" : : assim assim
Lufada Dar "lulu fada dar" : : assim assim
Lufada Dar "volátil momento" : : positivo

::Em Backstage:
Ghost in the Machine : : positivo
- "The Eyes of I…
-Sensações-
Noctívagus em 5 Sentidos

Há novo espaço n'A Trompa. São questões breves, velozes, de interpretação livre e resposta solta, a dimensão pouco interessa, são as sensações... Pretende apenas ser uma forma diferente dos músicos imaginarem a sua arte, o seu sabor, a sua cor, o seu aroma. Os Noctívagus aceitaram o desafio e abrem as hostilidades.

T:Que cores tem a música dos Noctívagus?
N:As cores dos Noctivagus são: O preto o vermelho o cinzento o incolor e o roxo/violeta.

T:Qual o sabor da música dos Noctívagus?
N:Agridoce.

T:Que sonoridade tem a música dos Noctívagus?
N:Susurros,gritos,lamentos,ecos.

T:O que se sente quando se toca a música dos Noctívagus?
N:A Carícia de um impacto de um soco de um embate .

T:Que fragrâncias exalam do som dos Noctívagus?
N:Fragrâncias inebriantes e anestésicas.



::Ano de formação: 1994

::Composição:
- Lino Átila (voz), Paulo Dumonte (baixo), Hellraiser (guitarra), Tempestade (guitarra), David Frog (bateria).

::Localidade: Almada

::Discografia:
- After t…
-Secção MP3/WAV-
The Starvan

Integrado no Concurso Objectivo: Rock in Rio Lisboa foi a vez dos Starvan subirem ao palco do sempre "animado" Cabaret da Côxa.
Possuidores de uma sonoridade pouco original (como os próprios admitem), assente num rock simples ainda que cheio de pujança, alguma virtude do grupo assenta nisso mesmo, na capacidade de animar as hostes em volta com alguma facilidade. Nota-se entretanto ainda alguma falta de rodagem. No Cabaret tocaram "fake roofs" e "for this I'm sorry" no site da banda podemos ouvir "sweet dreams" e "hate/love" assim como podemos ver o vídeo deste último, para tal basta clicar AQUI (depois, clicar na secção 'multimédia').



Sítio: http://www.thestarvan.com
-Destaque-
Roland Super Bock Music Challenge 2003

Estão apuradas para a fase seguinte do Roland Super Bock Challenge 2003, as seguintes 10 bandas (classificação por votação online!):

01 Nothem "Dissolved Care"
02 Slow Gun "Bullet Fast"
03 Meiotermo "Sopro Ausente"
04 EKUS "Bem que Tentei"
05 Outer Skin "Never Impressed by The Neon"
06 Chão Nosso "Não Vou Fugir do Chão"
07 Nonsense "Push It"
08 Balbúrdia "Um Sonho à Espera"
09 Nuttshell "Lady, Maybe"
10 Ductil "Sometimes"

Os temas podem ser escutados AQUI (depois, clicar em 'temas apurados').


Nothem
-Novidades-
"Nus" - Mão Morta

É já hoje, dia 13 do mês de Abril.
A oportunidade repete-se, dia 20.
Com o Blitz.
Essa nova obra dos Mão Morta, "fascinante viagem pelos meandros de uma geração perdida, onde música e poesia se entrelaçam para a criação de uma terceira dimensão: o poema sonoro! " (in www.mao-morta.org).
Aguardemos, ansiosamente...


"Nus" - Mão Morta (2004/Cobra/Blitz)

Sítio: www.mao-morta.org
-Audições MP3-
3 projectos 3

1. Nonsense "Push it"
Interpretação com alguma originalidade, baseada no cruzamento de várias influências dentro de um pop/rock a piscar o olho à dance...

2. Nuttshell "Lady, maybe"
Sereno, correcto, dono de um blues rock vindo de um outro canto do nosso mundo. Assim parece.

3. iDemBarra "Veils"
Vibrações de uma sonoridade pop envoltas num manto acústico carinhoso, bem soft... de um extremo bom gosto.


iDemBarra