Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2004
BREVESOferta na FNAC
Antes de arrancar, lembrar o que já aqui foi lembrado por um dos amigos deste blog:
Hoje, 30 de Outubro, a quem comprar música portuguesa na FNAC, levará igualmente para casa (completamente gratuito) um CD inédito intitulado "Uma Outra História"; eis o interessante e curioso alinhamento:

- Rui Reininho & Armando Teixeira: "Once in a Lifetime" (Talking Heads)
- Jorge Palma: "Jane Says" (Jane's Addiction)
- Anabela Duarte, Mário Delgado, Alexandre Frazão & Zé Nabo: "Baby" (Mutantes)
- Aldina Duarte & Carlos Bica: "Sete Naves" (GNR)

Sítio: www.fnac.pt
AVISO À NAVEGAÇÃOSegunda Há Mais

Outubro.
O fim de um mês nada fácil aqui para o maestro, só poderia dar mesmo numas mini-férias. Estava escrito.
Segunda à noite cá estarei, em princípio, com a Trompalista de Outubro...
Na bagagem: a "Sede" de Jorge Cruz, o "No Waves" dos Micro Audio Waves, a "Tralha" de Maria João e Mário Laginha", o "Bom Dia" dos Pluto, o "from underskin" dos a Jigsaw e o "Pó d'Escrer" dos Pó d"Escrer. Deve chegar.
A toda a comunidade...bom fim-de-semana.
UMA A UMA"À Sombra de Deus - Volume 3" - Vários Artistas
Produzido por Miguel Pedro, co-produzido por Nelson Carvalho e com a Câmara Municipal de Braga na edição, o 3º Volume da colectânea "À Sombra de Deus" conheceu este ano a luz do dia (em boa hora...). Continuando com o objectivo de divulgar os sons que se vão articulando pelo Concelho de Braga, esta terceira edição volta mais diversificada do que nunca. São várias as ondas...mas...uma a uma:

01. André Leite - "Queen of Fools", uma certa serenidade acústica.
02. Big Fat Mamma - "Alcoholic Blues", certinho, certinho, brasileirinha, não aquece nem...
03. Demon Dagger - "Away", início potente; ia ficando destimpanado.
04. Freequency - "Stone", baixa frequência com um início pouco estimulante; outra frequência com um fim mais conseguido.
05. Jack in the Box - "Empty, Alone, Barren", Fora da caixa vê-se pouco...semelhanças com a anterior, até na voz feminina.
06. Mão Morta …
UM CONCERTO PARA HOJEDanças Ocultas no Fórum Lisboa
- Na apresentação do seu mais recente trabalho, "Pulsar":


:: No Fórum Lisboa, em Lisboa às 22h00
FIGURASRaindogs
Meio cá meio lá, meio luso meio lato, os Raindogs deixaram (deixam?) um rasto de magia, competência, de sentimento enfim...de música. Daquela que entra, se sente e fica, cola, fica como que a remoer, por dentro, infinitamente.
Paisagens negras, histórias de saudade, melancolia, a beleza de uma tristeza cantada e tocada irrepreensivelmente. Por vezes de imagens repetidas, de influências sugadas, quase sempre com uma coerência intratável e montada em horizontes pardos, melancólicos, longíquos. São temas refinados, poesia feita de letras e sons em dispersão, filhos de uma sonoridade serena, bucolicamente triste, às vezes amarga mas profundamente tocante, bela, aos quais não será alheio o violino de Matt Howden. Com Roland Popp ou Carlos Gonçalves Pereira na voz, a emoção é sempre a mesma, forte, interiormente fulminante. Muito forte.
Numa altura em que se aguarda a edição do disco dos Corsage, compostos por três Raindogs, Carlos António Santos, Frederico Cunha e Pedro Tempor…
DESTAQUEFeira Pop 04 em Paços Ferreira
No pavilhão de feiras e exposições de Paços de Ferreira, numa iniciativa d'A Capital Artes, Teatro Carmo Artes e Associação Portuguesa do Audiovisual, vai decorrer a Feira Pop de Paços de Ferreira 04.
Dia 29 (Sexta) - 22h00
- Half Baked
- Sloppy Joe (foto)
- DJ Bob Figurante

Dia 30 (Sábado) - 22h00
- d3ö (foto)
- Zen
- DJ Miguel Quintão

Dia 01 (Domingo) - 22h00
- u-clic (foto)
- The Legendary Tiger Man
- DJ Pasteleira (Álvaro Costa)
BREVESAna Sofia Varela pelo Reino Unido
Já não é segredo, Ana Sofia Varela vai encantando o país e, porque não, o mundo, com o seu fado.
Na primeira quinzena de Novembro, Ana Sofia Varela vai percorrer vários teatros da Inglaterra, Escócia e País de Gales no âmbito do festival "Atlantic Waves 2004".
Em grande na Europa, é este o nosso fado!

Sítio: www.vachier-producao.pt
DESTAQUE1º Concurso de Música Moderna em Almada
As doze bandas do concelho de Almada estão seleccionadas, o concurso começa já sexta-feira e a entrada é livre.

- 29 Outubro
- Empty V (foto)
- Veinless
- Sonda 25
- Oblivion Circle

- 30 Outubro
- Kalash
- MAC (Missão a Cumprir)
- Projecto Simbiose (foto)
- Vinyl

- 31 Outubro
- Disclosure
- Domador
- Al Madan
- Cruzumana

Local: Centro Cultural Juvenil Santo Amaro - Laranjeiro (21h30)
UM CONCERTO PARA HOJE1-UIK PROJECT

:: No Estado Líquido em Lisboa às 24h00

Sítio: www.estadoliquido.com
Sítio: www.enchufada.com
À ESPERA"Em Directo do Fim do Mundo" - Factor Activo
Com edição da Loop Recordings, "Em Directo do Fim do Mundo" dos Factor Activo está mesmo por aí a ver a luz do dia. O álbum de estreia do interessante grupo da Covilhã conta ainda com as participações de Kubik e Hugo Correia dos Fadomorse.
No sítio da banda, na secção download, pode escutar-se um tema do álbum: "Morto que Dorme".

Sítio: www.factoractivo.com
MAQUETA"Let'Spinning" - Spinning Shalk
Os Spinning Shalk são um quinteto rock, natural de Vila Real.
Pedro Costa Paulo (guitarra, baixo e voz), Daniel Branco (bateria e percussão), Sérgio Ramos (guitarra), Mauro Santos (voz) e Filipe Ferreira (teclas e samplers) formam o quinteto que dá vida aos Spinning Shalk. Formados em 2003 e vindos de experiências musicais anteriores, estes transmontanos com uma média de idades de 22 anos, andam por aí em fase de afirmação, sendo já de realçar o 2º lugar alcançado pela banda no concurso Rock Nordeste 2004.
Ao fim de alguns meses dedicados aos aspectos mais criativos, eis que surge esta primeira maqueta de homestudio nascida em Campeã, aldeia escondida nos confins Marão. "Let'Spinning" é a primeira amostra do trabalho de um grupo que navega indubitavelmente pelas águas extensas do rock, procurando ainda a orientação certa a tomar...aquele certo navegar. As influências são múltiplas, mas a vontade de crescer é ainda maior …
ENCONTROSA voz dos poetas: Herberto Hélder
----> Herberto Hélder diz:

-Aos Amigos-

Amo devagar os amigos que são tristes com cinco dedos de cada lado.
Os amigos que enlouquecem e estão sentados, fechando os olhos,
com os livros atrás a arder para toda a eternidade.
Não os chamo, e eles voltam-se profundamente
dentro do fogo.
-Temos um talento doloroso e obscuro.
construímos um lugar de silêncio.
De paixão.( in "Poesia Toda" - 1990)

---->Vitorino na "Poesia encantada (Vol. 2)" interpretou "Aos amigos":


LUSO...BLITZManuel Paulo/João Monge
Pois...pois, pois.
Pouco há a ressaltar da edição de hoje do Blitz no que toca à lusofonia (mais do que um quarto de página, claro!). Para além do texto em referência a Manuel Paulo e João Monge e ao seu disco conjunto "O Assobio da Cobra", sobra mesmo a meia página dos Dance Damage na secção "pronto-a-servir" e a entrevista a Luis Jardim na secção "20 Anos, 52 Pessoas".
Uma referência ainda para o artigo sério sobre pimbas e outros sons mais açucarados.

Sítio: www.blitz.pt
RECORDAÇÕES"Danças Ocultas" - Danças Ocultas
As Danças Ocultas nasceram em Águeda no início da década de 90 e são um quarteto liderado por Artur Fernandes e composto igualmente por Filipe Cal, Filipe Ricardo e Francisco Miguel.
Com produção e direcção artística de Gabriel Gomes, "Danças Ocultas" marca a estreia do grupo com o mesmo nome no campo da edição discográfica, como uma das experiências mais originais da nova música tradicional portuguesa. E que estreia.
Há instrumentos especiais, mas admitindo que cada um tem os seus, o acordeão não passa por mim indiferente. As Danças Ocultas são neste momento, os grandes responsáveis por ressuscitar para o meio do palco o acordeão diatónico, mais conhecido por concertina. Sim, a concertina.
Tradicional, erudito e experimental. Com um novo álbum pronto para sair, apeteceu-me hoje recuar no tempo e dedicar algum espaço a estas Danças Ocultas. E como é bom ouvir um disco simples, feito de música popular, transformada, explora…
AUDIÇÕESNovidades Trompalista
Outubro aproxima-se perigosamente do fim. Com ele, alguns sons se vão ouvindo, em catadupa...
Com ele, nova Trompalista se começa a desenhar, sendo que entre as novidades ouvidas por cá neste mês, as que se seguem, encontram-se mais ou menos bem colocadas para entrarem:
- The Gift - "BSO - The Scum Show"
- Manuel Paulo - "O Assobio da Cobra"
- TGB - "TGB - Tuba Guitarra & Bateria"
- For The Glory - "Drown in Blood"
- Pluto - "Bom Dia"
- Acromaníacos - "Pitamupau"
- Maria João e Mário Laginha - "Tralha"
- Mata Ratos - "És um Homem ou és um Rato"
- Micro Audio Waves - "No Waves"
- Trinta e Um - "Terceiro Assalto"
- Stealing Orchestra - "Bú"
- Chullage - "Repensar - Passado, Presente e Futuro"
- Puget Sound - "Puget Sound"
- Spitout - "Songs of Innocence"

:: Apenas Um dos Melhores : Maria João e Mário Laginha - "Tralh…
SECÇÃO MP3/WAV@c
Electrónico, experimental, digital...os @c acabam de editar o seu 3º álbum.
Formados em 2002, os @c são neste momento formados por Miguel Carvalhais e Pedro Tudela, sendo a designer Lia, a responsável por toda a componente visual do projecto.
Do último álbum pode ouvir-se o tema #7 "18"
"v3" - @c (2004/Crónica)

Sítio: www.at-c.org
SONS DISPERSOSBateau Lavoir
NO TEMPO E NO ESPAÇO COM...

::Tema: "Até um Dia" - Bateau Lavoir ("À Sombra de Deus - Braga 1988" - V/A/1989)

::Tempo: 1988

::Espaço: Braga

::Expressão:
"Bateau-Lavoir ou Barco-Lavadouro era era um tipo de barcaça de madeira, dividida em cubículos, que a municipalidade de Paris cedia às lavadeiras a fim de lavar roupas à beira do rio Sena. Era também o nome dado pelo poeta Max Jacob ao aglomerado de pequenos ateliês, construídos em madeira, por onde a água da chuva se infiltrava; na Rua Ravignan no.13, em Montmartre, Paris.
Por volta de 1904, Van Dongen, Pablo Picasso e, posteriormente, Juan Gris, Pablo Gargallo, assim como os escritores André Salmon, Max Jacob, Pierre Reverdi, dentre outros escritores da época também por lá habitavam
" (in http://www.mac.usp.br/projetos/.../construtivismo/cubismo/bateau_lavoir/).


EXISTÊNCIARamp em 12 Actos
I Os Ramp nasceram em Agosto de 1988 para os lados do Seixal. A primeira formação contava com Ricardo Mendonça e Tó-Zé na guitarra, com Paulinho na bateria e Miguel no baixo. Rui Duarte haveria de "agarrar" a voz da banda um pouco mais tarde;

II Em 1989, no Fogueteiro, os Ramp deram o seu primeiro concerto como banda suporte dos Mortifera e The Coven;

III Em 1991 gravaram uma maqueta, que resultou num contrato com a Polygram;

IV Em 1992 editam o muito bem recebido Mini-LP "Thoughts";

V Ainda em 1992, os Ramp fizeram a abertura dos concertos de Fudge Tunnel e Sepultura tendo editado o Mini-LP "Thoughts" em formato CD (com três novos temas entretanto gravados);

VI Em 1994, a banda abre o concereto dos Paradise Lost no Pavilhão do Restelo;

VII Descontentes com a Polygram, a banda decidiu mudar-se para a União Lisboa, que edita em 1995 o álbum "Intersection";

VIII1996 é ano de estrada. A banda dá concerto em vários festivais pel…
AGENDAMusicactiva
A JIGSAW ao vivo
-23.10.2004, Bar GL, Leiria
-24.10.2004, Fnac Sta. Catarina
-05.11.2004, Art.Arenna, Porto
-06.11.2004, Bebemor Café, Montemor o Velho
-20.11.2004 às 21h45, Fnac GaiaShopping
-21.11.2004 às 17h00, Fnac NorteShopping
-26.11.2004, Santiago Alquimista, Lisboa

THE TEMPLE ao vivo
-28.10.2004 às 21h30 , Fnac Cascais
-31.10.2004, Fnac Chiado
-13.11.2004, Parque de Exposições, Montijo

FOR THE GLORY ao vivo
-25.10.2004, Fnac Cascais

ROSE BLANKET ao vivo
-13.11.2004, Fnac Norteshopping
-13.11.2004, Fnac Stª. Catarina
-20.11.2004, Fnac Almada
-27.11.2004, Fnac Chiado
-28.11.2004, Fnac Colombo

D3Ö ao vivo
-26.11.2004, Rock House Cafe, Alenquer

PUGET SOUND ao vivo
-05.11.2004, Fnac Gaiashopping
-07.11.2004, Fnac Stª. Catarina

EASYWAY ao vivo
-03.12.2004, Paradise Garage, Lisboa (1ª parte dos Toy Dolls)
-04.12.2004, Hard Club, Vila Nova de Gaia (1ª parte dos Toy Dolls)
Rose Blanket

Sítio: www.musicactiva.com
NOVIDADESDelfins' not Dead - Tributo
"Delfins' not Dead - Tributo"
O disco tributo aos Delfins (e ainda não o ouvi), é realmente curioso, desperta de facto uma certa curiosidade. Até pode dar para desconfiar e depois ignorar mas realmente desperta, outra vez, aquela curiosidade.
Ver bandas como os Aside, Civic, Albert Fish, Anti-Clockwise, Out Standing, Zorg, Caveira, Morte Forte, Whoz Next, Coiratos Violentos, SK6, Sick Souls, Devil Spine, Hilikus e Neverend a interpretar temas dos Delfins, não deixa de ser...curioso...muito curioso.
"Delfins'not Dead - Tributo" - V/A (2004/Sony/Som Livre)
DESTAQUESemana Cultural - Corroios 2004
Em mais uma interessante iniciativa organizada pela Junta de Freguesia de Corroios, vai decorrer de 29 de Outubro a 6 de Novembro a Semana Cultural - Corroios 2004. No que toca à música, eis o programa:

-29 Outubro (sexta)
- Bildmeister e X-Wife

-30 Outubro (sábado)
- Ölga e Mão Morta

-31 Ouutbro (domingo)
- Swymmers

05 Novembro (sexta)
- Cruzumana

Sítio: www.jf-corroios.pt
UM CONCERTO PARA HOJEU-Clic n'O Mercedes
- Apresentação à imprensa do EP de estreia:


:: N'O Meu Mercedes É Maior Que o Teu no Porto às 23h00

Sítio: www.u-clic.com
DISCOS DE UMA VIDA1ª Parte: até 1991
...FINALMENTE O #1:

1º - "Linha Geral" - LINHA GERAL
(LP 1989/Ama Romanta)
As explicações não são muitas, vem de dentro. Há discos e discos. Discos que passam, discos que ficam, discos que marcam. Linha Geral ficou, marcou, ainda marca a cada vez que se ouve, a cada vez que arrepia. E arrepia. Interventivo, poderoso, intenso, assim é a Linha Geral.
--Porque os Outros; Dança de Sombras; Formas Estranhas; Coro Jovem; Auto de Fé; Sinais do Tempo; Ousadia; Riscando os Céus--, alinhamento inesquecível.
É pena não arranjar a capa do disco, mas enfim...

- 02º - "Mão Morta" - MÃO MORTA
- 03º - "Free Pop" - POP DELL'ARTE
- 04º - "78/82" - XUTOS & PONTAPÉS
- 05º - "Só" - JORGE PALMA
- 06º - "Divergências" - VÁRIOS ARTISTAS
- 07º - "Coisas Que Fascinam" - MLER IFE DADA
- 08º - "Corações Felpudos" - MÃO MORTA
- 09º - "Cerco" - XUTOS E PONTAPÉS
- 10º - "A Um Deus Desconhec…