Avançar para o conteúdo principal

NAS BANCAS|MINI Internacional #23



"Lisbon, It's the rhythm".
É o #23 da revista MINI International, uma publicação trimestral que dedica cada um dos seus números a uma cidade diferente (já sairam números sobre Reiquejavique, Roma, Istambul, Zurique, Berlim, Casablanca, Buenos Aires, Seul, Milão, Montreal, entre muitas outras). O último foi dedicado a Lisboa.
Com uma forte incidência na Lisboa multicultural, a #23 da MINI Internacional aborda toda uma temática cultural que abrange áreas tão diferentes como o cinema, a arte, a poesia, a literatura, a moda, o design, a arquitectura e principalmente, como não podia deixar de ser, a música. Para além das menores ou maiores entrevistas com com Claudia F. (Micro Audio Waves), Joaquim Albergaria (The Vicious Five, CAVEIRA, Manta Rota), Henrique Amaro, Kalaf ou N'dú, encontramos ainda algum espaço dedicado às noites do B.Leza, da ZdB assim como de outros locais de marcado interesse nocturno e turístico. É muito a Lisboa miscigenada que está em destaque, as relações desta com o Brasil, com África, bem espelhadas num texto dedicado ao interessantíssimo documentário "Lusofonia, a (R)evolução". Tudo em inglês.
Para acabar em beleza, a revista traz ainda um CD com temas de Coca, Melo D, Kalaf & Kika Santos, Sr. Alfaiate e Sara Tavares; para além de vídeos de 3 documentários sobre Lisboa.
Tudo excelente.

capa da MINI INternacional #23

sítio www.mini.com

Mensagens populares deste blogue

AUDIÇÕESBrilhante Pop 2003
São 3 discos pop, mais à esquerda, mais à direita, mais ao centro, trazem ao microfone 3 excelentes vozes femininas:
"Le Jeu" - Balla (2003/Music Mob/58)

Um disco irresistível.
Fantástica a voz sensual de Sylvie C em mais um lúcido disco de Armando Teixeira, melódico, marcado por ambientes voluptuosos, por uma pop interior, estética e poética.
Imageticamente irresistível, qual bandeira gaulesa a flutuar. Depois de um prometedor e excelente primeiro álbum, "Balla", Armando Teixeira voltou a surpreender as massas melómanas em 2003, com um disco cheio de charme e personalidade, sustentado pelo rigor da electrónica em doses incrivelmente equilibradoras do resultado final. Intemporal.
A elegância proporcionada por este "Le Jeu" é verdadeiramente assombrosa, quer se reine por ambientes pop mais jazzy quer se rume em direcção à "chanson française", este disco atinge o auge principalmente na voz de Sylvie C.
De uma simplicidade rumo…

RECORDAÇÕES|"Anonimato" - Anonimato

A recordação ou o regresso ao Alentejo; o de sempre, aquele do suor, das noites frias de Inverno, da vadiagem...de tudo.
Mas...regressando à música, algum espaço para os Anonimato; fenómeno especialmente regional - e que fenómeno - os Anonimato foram durante os anos de 1990 a 1997 um dos grandes - se não os maiores - embaixadores do pop-rock alentejano - sim, alentejano, neste âmbito até faz sentido. Com dois álbuns editados durante a sua curta carreira, este, o homónimo, traz os temas pelos quais o quarteto bejense mais ficou conhecido e que maior furor fizeram por esse Baixo Alentejo fora: "Sei que não sou" - pois claro, "Gravatas" e "Grão de Amor". Mas porquê? Não sei, senão as recordações que trazem, o que fazem sentir, a agradável textura pop que acompanha boa parte daquelas sinceras palavras lusas; bem medidas, bem sentidas. Depois, ainda há o aroma do Alentejo, também...aqui e ali, além. Liderados por Paulo Ribeiro, autor de um álbum solo em 2002, …
SÍTIO DA QUINZENAFórum Sons
Não é novidade, mas o Fórum Sons é há muito local de encontro de melómanos lusos. É um fórum como qualquer outro, tem é a vantagem de ser frequentado por muita e boa gente.
Grande fórum!

Sítio: www.forumsons.com